Prazer em conhecer, Agenor

Agenor era, antes de tudo, um forte. Não confunda com as referências feitas por Euclides da Cunha. Era sim, um sertanejo matuto e sabido, detentor de conhecimentos práticos e empíricos. Pertencente a uma família de iguais predicados, tudo na mesma linha dos heróis citados pelo autor de Os Sertões. Era forte no sentido lógico daContinuar lendo “Prazer em conhecer, Agenor”

Publicidade